EP-26 O caminho de Cristo – Cristianismo Evangélico

O caminho de Cristo - Cristianismo Evangélico - Especial Caminhos de Fé

O caminho de Cristo – Cristianismo Evangélico

Apresentador

Reginaldo Pacheco

Convidado
Isaías Oliveira, Evangélico, Guarda Municipal, Pensador do Roda

Adoniran de Souza Bail, Estudante de teologia, participante do Hangar365(Igreja orgânica), líder dos Jovens Ancorados (Menonita Vila Guaíra)

Suelen Lorianny, feminista, cristã, jornalista e empreendedora no ramo gastronômico.

Pauta

EP-26 O caminho de Cristo – Cristianismo Evangélico –  Especial Caminhos de Fé

LINKS INDICADOS NO PROGRAMA

Roda de Pensadores http://www.rodadepensadores.com.br/

Instagram @jornadasdoeu https://bit.ly/2A64MHV

Contato: jornadasdoeu@gmail.com

Campanha LGBT Podcaster
https://lgbtpodcasters.com.br/
 

Conselho Federal de Psicologia do Brasil
https://site.cfp.org.br/


Dica da semana
Messiah – Série da Netflix

https://www.netflix.com/title/80117557

Livro – Minha História Michelle Obama

Livro – Cristianismo puro e simples


Ouça também EP-24 Paganismo e bruxaria – Caminhos de Fé

O Cristo disse “Eu sou o caminho a verdade e a vida”, e sempre que me deparo com essa frase eu penso que o caminho que ele se refere é o caminho do autoconhecimento.

O cristianismo evangélico tem muitas vertentes, é uma das fés que mais cresce no Brasil, e no programa de hoje conversamos com 3 cristãos evangélicos sobre as jornadas do autoconhecimento seguindo os passos do deus dos cristãos.

O Cristianismo Evangélico

O Cristianismo evangélico é um movimento cristão protestante, que surgiu no séc XVII, depois da reforma, entre os seus grandes pensadores está Martinho Lutero  (Martin Luther), que rompe com o pensamento hegemônico do cristianismo romano e inaugura novas escolas de pensamentos.

Um dos seus epicentro acontece na inglaterra, mas o seu maior desenvolvimento e ganho de adeptos acontece nos estados unidos entre os colonos da nova terra.

O evangelicalismo desenfatiza o ritual e enfatiza a piedade do indivíduo, exigindo-lhe que cumpra certos compromissos ativos, incluindo:

  • A necessidade de conversão pessoal ou de “renascimento”;
  • Um grande respeito pela autoridade bíblica;
  • Ênfase em ensinamentos que proclamam a morte redentora e a ressurreição do Filho de Deus, Jesus Cristo;
  • Expressar e compartilhar ativamente o evangelho;

David Bebbington classificou estes quatro aspectos distintivos como conversionismo, biblicismo, crucicentrismo (e ressurreição de Jesus) e ativismo, observando que “juntos, eles formam um quadrilátero de prioridades que é a base do evangelicalismo”.

Os protestantes evangélicos são diferentes dos protestantes de linha principal (mainlines).

Os evangélicos possuem postura mais conservadora, contra o ecumenismo amplo, com maior ênfase no evangelismo e posturas tradicionais contra o liberalismo teológico, ordenação feminina e casamento igualitário, enquanto que os protestantes tradicionais têm uma postura ecumênica, progressista, mais voltada para o trabalho social da igreja. No Brasil a ampla maioria dos protestantes são evangélicos.

O cristianismo evangélico reúne diferentes movimentos de teologia evangélica, sendo as principais fundamentalismo, conservador, moderada, liberal.

A adesão à doutrina da Igreja de crentes é uma característica comum da definição de uma igreja evangélica no sentido estrito. Durante a Reforma Protestante, os teólogos protestantes adotaram o termo como se referindo à “verdade do evangelho”.

Martinho Lutero referiu-se à “evangelische Kirche” (“igreja evangélica”) para distinguir protestantes de católicos da Igreja Católica Romana.

EP-26 O caminho de Cristo – Cristianismo Evangélico – Especial Caminhos de Fé


2 Replies to “EP-26 O caminho de Cristo – Cristianismo Evangélico”

  1. João Carlos

    Cristo mostra a importância de aprendermos a tratar o semelhante com respeito e amor e mesmo sendo diferentes linhas de interpretação e raciocínios quanto à ele acho importante essa consciência de vocês em perceber que há pontos em comum que unem cristãos e pagãos nos mais diversos dilemas do homem: quem nos criou, mistérios da vida e da morte, milagres/ritos, salvação/devoção.
    Emannuel ao nascer após Sidarta trás páginas novas para o livro da história humana: enquanto o último ensina à não sofrer e se abalar pelas dores do homem, o primeiro ensina o caminho que pode curar tais mazelas dentro e fora. Acho ambos importantes para a construção de um mundo melhor, como a Suelen falou: vai do que sente ser uma verdade que reverbera com você ou não para carregar à frente. Gratidão, depois vou ouvir mais uma vez e compartilhar ^_^ (sentindo que tem aprendizados que não vi na primeira vez)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *